Favoritos Página Principal E-mail
 

Decisões

O Flamengo vive hoje um momento que exemplifica bem como determinadas decisões fazem toda a diferença para o sucesso ou o fracasso de um time. A primeira que merece destaque foi à manutenção de Jayme de Almeida até o fim do ano. Seu trabalho ainda tem algumas falhas (das quais falarei mais à frente), mas ainda assim tem feito toda a diferença para o Mengão ir escapando do rebaixamento no Brasileiro e ainda estar vivo na disputa da Copa do Brasil. Seu grande mérito foi conseguir fazer este time limitado incorporar o espírito rubro-negro. E quando o Flamengo joga com este espírito, amigo, é muito difícil ganhar da gente.

A grande vitória sobre o Botafogo foi o ápice desta situação. Atropelamos sem dó nem piedade um adversário superior tecnicamente, com muita raça, garra, superação e aplicação tática, jogando no limite os 90 minutos. Outra decisão crucial do Jayme fez toda a diferença: o deslocamento de Paulinho para a ponta esquerda. Com o apoio de André Santos, o garoto do interior paulista simplesmente humilhou o lateral reserva do Botafogo, que não viu a cor da bola o jogo inteiro. Nosso técnico soube perceber muito bem a possibilidade de forçar o jogo em cima dele utilizando o Paulinho, e isso fez toda a diferença para chegarmos a esta goleada.

Mas não é só de boas decisões vive o futebol. Algumas decisões erradas podem comprometer todo um jogo ou uma temporada inteira. E elas também estão presentes no Flamengo atual. Acho que Jayme errou feio ao não poupar ao menos alguns titulares no jogo contra a Portuguesa. Com isso o time se mostrou apático em grande parte da partida e não saiu do 0 a 0. Nosso técnico também tem tomado decisões erradas no que diz respeito às substituições. Mais uma vez demorou a mexer no time, errou ao entrar com Diego Silva e ao não fazer a 3ª substituição a que tinha direito. Esse definitivamente é o seu grande defeito, que em algum momento pode atrapalhar o time na Copa do Brasil.

Em nesta sucessão de decisões equivocadas, o Flamengo deixou escapar uma vitória importante, desgastou seus titulares no calor de Fortaleza e com três viagens consecutivas, e ainda viu o Goiás poupar sete titulares para o jogo que realmente interessa. Agora vamos para a partida de ida da Semifinal com um time cansado, contra um adversário bem mais preparado fisicamente e com o apoio da sua torcida no Serra Dourada. Diante de todos estes fatores é óbvio que o Goiás é o favorito neste jogo. A nossa única vantagem é o desfalque do craque-gordinho Walter, que vem fazendo a diferença no time esmeraldino. Ainda assim o Mengão vai ter que se superar para conseguir um resultado que traga a decisão da vaga para o Maracanã. Até mesmo uma derrota mínima marcando gol seria um resultado aceitável.

Acho que houve um erro de avaliação da comissão técnica do Flamengo ao pensar que o jogo em Goiânia talvez não seja tão decisivo para definir o confronto. Pois se perdemos lá por uma boa diferença, não há torcida no Maracanã que salve. Resta torcer para o time se superar mais uma vez e conseguir segurar a pressão do Goiás. Pois se realmente conseguirmos um resultado que traga a decisão para o Maraca, aí é certeza de que estaremos na decisão da Copa do Brasil. E torçamos pois para o Jayme aprender a substituir, isso seria de grande ajuda para alcançarmos o objetivo!

Por Daniel Marques, editor-chefe do site Flamengo MTM


COMENTÁRIOS



Voltar | Topo | Home
Site criado por Daniel Marques. Todos os direitos reservados ©.   
Free Web Hosting