Favoritos Página Principal E-mail
 

Acabou a mamata!

Em momentos complicados como o que o Flamengo vive atualmente, sempre me vem à cabeça aquela famosa frase do ex-presidente Marcio Braga numa entrevista coletiva no início do seu último mandato: “Acabou o dinheiro!”. Pois diante das críticas que a atual diretoria já começar a sofrer dos seus opositores, eu aconselharia o presidente Eduardo Bandeira de Mello a se despir por alguns segundos de sua humildade e simpatia características e soltar uma frase parecida para os “reclamões” da vez: “Acabou a mamata!”.

Na situação financeira calamitosa que o Flamengo vive atualmente, a diretoria rubro-negra está certíssima de fazer todos os cortes que puder na folha salarial, especialmente com modalidades esportivas que não dão nenhum retorno ao clube. Eles têm o direito e o dever de cortar gastos com funcionários supérfluos, funcionários fantasmas e atletas com salários superfaturados. Aos poucos estão arrumando a casa após ela ser totalmente devastada pela administração anterior, que era apoiada por 90% dos chorões com alma de botafoguense que agora estão criticando o fim (temporário) das atividades profissionais na natação, judô e ginástica.

Num momento de profunda crise decisões duras precisam ser tomadas mesmo. Ninguém disse que seria fácil, que iriam resolver todos os problemas do Flamengo como num passe de mágica. Eu mesmo não concordei com a saída de Vagner Love, e não vou concordar caso os cortes cheguem também no time de basquete após o NBB 2012-13. Mas acho que todos devem compreender que tudo o que está sendo feito é para o bem do Flamengo, para colocar as finanças em dia e num futuro talvez nem tão distante possamos ter o melhor time do Brasil não apenas no futebol, como também em todas as outras modalidades esportivas do CRF. Mas isso não pode ser feito através do endividamento, temos que alcançar uma saúde financeira satisfatória que permita bancar todas estas equipes de alto nível.

O que não pode nunca mais acontecer no Flamengo são as políticas prejudiciais da gestão anterior. Não podemos mais viver do clientelismo nos esportes olímpicos, onde se despejava rios de dinheiro para garantir apoio e votos. Onde se sugava recursos do futebol para investir em esportes que não geravam nenhuma receita e não tinham nenhum apelo com o torcedor. Temos que acabar de uma vez por todas com práticas lamentáveis da era de trevas, como a dos gastos excessivos em cartões corporativos e dos balanços financeiros recheados de irregularidades. Essa talvez seja a última oportunidade que o Flamengo tem de colocar a casa em ordem e se tornar um grande clube não apenas dentro de campo. Que enfim seja grande também fora de campo.

Antes que digam que eu sou aquele apoiador radical da atual diretoria, que defende tudo o que eles fazem, eu deixo bem claro que também discordo de muitas coisas que vem sendo feitas. Achei o aumento dos ingressos a até R$ 80 um absurdo e um desrespeito à 90% da torcida rubro-negra que frequenta os estádios. Discordo também da maneira como as demissões têm sido anunciadas, no caso dos atletas através da internet, sem uma conversa olho no olho. E nunca vou concordar com a maneira irônica, desrespeitosa e até mesmo discriminatória que os funcionários do clube estariam sendo tratados pelo atual gerente do Fla-Gávea. Sem esquecer também de um outro caso pouco divulgado, no qual um blogueiro rubro-negro do globo.com foi totalmente desrespeitado pelo departamento de marketing.

Na minha última coluna mesmo eu disse que era fundamental neste momento o Flamengo contratar cinco reforços para brigar por títulos. Mas o diretor de futebol Paulo Pelaipe garantiu que não chegarão mais reforços para o Estadual, apenas para o Brasileirão. Mesmo praticamente abdicando de brigar pelo título carioca com esta decisão, eu não vou critica-la. Gostando ou não da atual diretoria, é dever de todo rubro-negro de verdade neste momento apoiar o trabalho que está sendo feito. Até que me provem o contrário, tudo o que estão fazendo é para o bem do Flamengo. Vamos continuar sofrendo neste início, mas acredito que no final vai valer muito à pena. Podem apostar.

Por Daniel Marques, editor-chefe do site Flamengo MTM


COMENTÁRIOS



Voltar | Topo | Home
Site criado por Daniel Marques. Todos os direitos reservados ©.   
Free Web Hosting